terça-feira, 22 de setembro de 2009

Saul no Hospital

Muita gente tem me perguntado como anda nosso projeto, causamos uma grande expectativa no meio cultural da cidade e da internet, o que estar sendo muito bom, porém por muitos motivos não estamos cumprindo nossos prazos para a finalização do projeto, o principal deles é o nosso ator principal, José saul silveira, que em uma brincadeira de criança, caiu perto de sua casa de uma altura de 4 metros de altura, e ainda caiu dentro de uma vala, se não fosse a posição que caiu poderia ter morrido ou ficado tetraplégico,por bem ele caiu de um jeito que estar vivo mas quebrou os dois pulsos, onde teve que colocar varios parafusos na mão e fazer redução de pulso com direito a ferragens externas, passará ainda por um processo de fisioterapia e nós desejamos uma rápida,sem sequelas ou traumas, toda a equipe está na torcida! video video

quarta-feira, 10 de junho de 2009

Estamos na Revista A Semana




A Astrid e a Revista A Semana, nosso muito obrigado!

sábado, 6 de junho de 2009

Paraiba News!

CAPA Parlamento Livre Internacional Brasil Paraíba Cidades Política Turismo Tecnologia Educação Saúde Policial Economia Cultura Esporte Coluna Social Eventos Colunistas Agenda Cultural Culinária Login
--------------------------------------------------------------------------------
da Redação
Publicado em 01/06/2009 às 20:41
Cristovam Tadeu grava participação especial no curta Pedro Pedra!
Neste último fim de semana no bairro dos bancários, aconteceram mais uma serie de gravações do curta ” Pedro Pedra” o filme, dirigido por Rizemberg Felipe, rodado em Full HD, o filme conta a historia de uma criança em situação de risco social, as cenas rodadas contou com a participação do humorista e ator paraibano Cristovam tadeu.

“Estava eu louco pra participar do filme de Eliéser Rolim ( O Sonho de Inacim), mas fui logo impedido de fazer qualquer teste porque um amigo nosso disse que Eliéser me considerava cômico demais pro filme dele. Se é verdade ou não, me foi dito. Nem tentei fazer o teste. Quando vi uma matéria na TV sobre um filme que estava sendo rodado aqui pelo diretor Rizemberg Felipe, eu não titubeei: Aproveitando a nossa amizade, liguei pra ele me convidando pra fazer o filme e ele… aceitou.

Pronto, começou o meu processo de ator para elaborar o personagem que ele tinha pra mim, um traficante de crack que manipula o menino Pedro, personagem principal do vídeo Pedro Pedra. Ele pediu pra deixar a barba crescer, eu até topei, mas, prá variar, ainda fiz piada: “Poxa, Rizemberg…bandido não usa mais barba, olha lá no Congresso Nacional?!?”. A comédia está encarnada em mim. E neste final de semana foi a bendita gravação. A locação foi numa micro-mini ferro velho lá pelos Bancários, mostrei o figurino e o diretor aprovou, o diretor de fotografia João Medeiros também…A cena, mesmo pequena foi gravada em umas 2 horas, a experiência muito boa, sabe, aquela coisa de estar numa locação ajuda a compor o personagem, e os laboratórios que fiz no teatro me ajudaram bastante a me transformar no tal bandido. Na cena, ele dá uma bronca no Pedro por ele estar fumando as tais “pedras” de crack ao invés de vendê-las. Contracenando com o pequeno José Saul (Pedro) vi que mesmo “verde” ele rende bem, encarou bem o fato de estar dividindo a cena com um desconhecido. TV, cinema, vídeo, não se resolve no começo, nem no meio, só no fim. Fizemos vários takes de vários ângulos, sempre com a paciência e dedicação de Rizemberg e João. Fazer filme hoje com baixo orçamento é assim: uma câmera, vários ângulos e muita alma pra se entregar ao projeto. Acho que Berg e João gostaram do que viram espero que no fim (edição) tudo se resolva. Eu como ator não sei, espero que aproveitem bem o que fiz , ou não, quem sabe? Só sei que estar ali com aquela mini equipe, me fez sentir o ator que carrego aqui dentro, que tanto me ajudou na formatação do humorista e que naquele dia estava presente pra compor um personagem sério. Foi sim, uma experiência muito rica. Agora descobri que além do cômico, o trágico também está encarnado em mim. “

O filme que está 70% rodado depende agora só da mudança climatica já que agora as cenas são todas externa explica o diretor Rizemberg Felipe.

sexta-feira, 5 de junho de 2009

Jornal Onorte reportagem sobre nosso quinto dia!






Show
Edição de terça-feira, 2 de junho de 2009
Entre o trágico e o cômico
Humorista Cristovam Tadeu revela nova face nas gravações do curta Pedro pedra
William Costa // williamcosta.pb@diariosassociados.com.br

"Uma experiência rica". Com essa frase, o humorista Cristovam Tadeu resumiu a sua participação no curta-metragem Pedro pedra, escrito e dirigido pelo fotógrafo paraibano Rizemberg Felipe. A gravação da nova cena do filme foi realizada, domingo passado, no bairro de Mangabeira, em João Pessoa. "Já estávamos com o roteiro fechado, mas aí apareceu o Cristovam com uma nova proposta e decidimos acatá-la. Fizemos uma cena exclusiva com ele, de barba, o que é incomum", afirmou Rizemberg.

Inspirado em fatos reais, Pedro pedra narra a dramática história de Pedro (nome fictício), um menino viciado em drogas, interpretado pelo ator iniciante José Saul. A idéia do filme surgiu quando Rizemberg participava de uma reportagem em um dos conselhos tutelares de João Pessoa, e teve acesso a detalhes da vida de um dos garotos envolvidos com entorpecentes.

A maior parte do elenco de Pedro Pedra é composta de atores com pouca ou nenhuma experiência em produção audiovisual. Oator Joálisson Cunha, que, este ano, durante a Semana Santa, atuou no espetáculo Paixão do menino Deus, é uma das exceções. Rizemberg mantém segredo em torno do nome de uma cantora famosa que participará do filme, mas revela que o ator carioca Togun (Tropa de Elite) aceitou gravar sua voz para o curta-metragem. "Como estamos trabalhando com um ator sem experiência, a narrativa em off vai enriquecer muito o filme, principalmente com a voz de Togun", sublinhou.


Filmagens foram realizadas no último fim de semana, em um ferro velho nos Bancários Foto:Beatriz Vicktoria/Divulgação
Rizemberg está concretizando sua idéia-denúncia quase que com a cara e a coragem, apenas. Para contornar os problemas técnicos gerados pela escassez de recursos, vale-se da experiência que adquiriu durante o curso na New York Film Academy, de Nova Iorque (EUA). O diretor conseguiu concluir o curta-metagem ainda em maio, conforme previsto, pois tem planos para exibir Pedro pedra nos festivais brasileiros de audiovisual.

Voltando a Cristovam, ele lamentou o fato do humorista "carregar nas costas a pecha de engraçadinho". Revela que "estava louco" para participar do filme O sonho de Inacim, de Eliéser Rolim, mas foi logo impedido de fazer qualquer teste porque um amigo confessou que Eliéser o considerava "cômico demais" para o filme dele. "Quando vi uma matéria na TV sobre um filme que estava sendo rodado aqui pelo diretor Rizemberg Felipe, eu não titubeei. Aproveitando a nossa amizade, liguei para ele me convidando para fazer o filme, e ele aceitou", completou.

Em Pedro pedra, Cristovam interpreta um traficante de crack. "Ele (Rizemberg) pediu pra deixar a barba crescer, eu até topei, mas, pra variar, ainda fiz piada: 'Poxa, Rizo... Bandido não usa mais barba, olha lá no Congresso Nacional?'. A comédia está encarnada em mim. E neste final de semana foi a bendita gravação. A locação foi num ferro velho lá pelos Bancários. Mostrei o figurino e o diretor aprovou, o diretor de fotografia (João Medeiros) também. A cena foi gravada em duas horas, e a experiência muito boa. Agora descobri que além do cômico, o trágico também está encarnado em mim", observou.
Obrigado aos profissionais do Jornal desde o Editor e reporteres e a equipe, que nos deram esse espaço!

quarta-feira, 3 de junho de 2009

terça-feira, 2 de junho de 2009

Sobre Thogum


Simplesmente Thogun

O Rapper que virou ator
Carioca do subúrbio do Rio, mais precisamente Cavalcante, Sérgio André Texeira , rebatizado por uma mãe de santo por Thogun, tem muita história para contar ao longo dos seus 39 anos. Um dos primeiros rappers da cidade a se engajar no movimento hip-hop, com uma perspectiva única para época. Suas armas para abordar assuntos de seu interesse sempre foram sua voz, a caneta e o papel.
Suas letras baseadas no rap legítimo, contundente, se potencializam com sua voz marcante e agressiva, que faz o rap brilhar no formato de canção. Militou pela causa ao lado de nomes emblemáticos do movimento como MV Bill, Thaíde, DJ Hum, Nelson Triunfo, Big Richard e Dj TR. “O Rap deixou de ser social para ser puramente existencial. Essa é a força que me move”, temos que transformar a vida dos outros, para melhor, afirma o rapper-ator.
Sinônimo de superação, Thogun já teve no currículo os ofícios de vendedor de produtos esotéricos, telefone celular, segurança noturno, locutor de supermercado e radialista. Decidido a mudar essa realidade, aceitou o convite para participar do documentário “Fala Tu”, direção Guilherme Coelho e Nathaniel Leclery, que retratava o cotidiano de três rappers e um Dj, registrava a paixão pelo rap, sonhos ,realizações e dificuldades .
Sua inquietude não lhe permitiu parar por aí, integrou no elenco da primeira temporada da serie “Filhos do Carnaval”, direção de Cao Hamburger e roteiro de Elena Soarez, produzida pela HBO Latina em parceria com a O2 Filmes, em 2006. Em setembro deste ano, terá sua estréia da 2º temporada da serie, além de interpretar o personagem Nilo, segurança, motorista e filho bastardo do bicheiro Anésio Gebara, o saudoso (Jece Valadão), o ator, protagoniza ocupando o papel central de narrador de toda a história.
Com apenas 5 anos de carreira, seu talento e versatilidade já lhe acumularam 12 filmes, 18 participações em séries, novelas e programas de TV. Neste ano estreia "Condomínio Jaqueline" direção de Roberto Moreira , "É Proibido Fumar", direção de Ana Muylaerte e no teatro integra o elenco do musical “Into The Woods”, direção Rubens Ewald Filho.


CINEMA
Dois Coelhos- Direção: Afonso Poyart – 2009 ( em produção)
É Proibido Fumar: Direção Ana Muylaerte – Previsão de estréia 2009
Verônica - Direção Mauricio Farias – 2009
Em um outro barraco - Direção: Hugo Gurgel - 2008
Charles Mason - Direção: André Moraes -2008
Plastic City - Direção: Yu Lik Wai – 2008
Eu vou tirar você desse lugar - Direção Talita Falcão - 2007
Condomínio Jaqueline: Direção: Roberto Moreira -2007
Tropa de Elite- Direção: José Padilha - 2007
Cidade dos Homens – O filme – Direção: Paulo Morelli - 2006
Ópera do Mallandro – Direção: André Moraes - 2006
Fala Tu –Documentário- Direção Guilherme Coelho e Nathaniel Leclery - 2003
Negócios a parte- Direção Vandersom Feitosa – 2007

TV

Filhos do Carnaval – Direção Geral: Cao Hamburger - (1º e 2º temporada)-2006/2009
Força Tarefa – Rede Globo – Direção: José Alvarenga - 2009
Chamas da Vida – Rede Record – Direção: Roberto Bomtempo - 2009
Beleza Pura - 2008
Por Toda Minha Vida - Claudinho e bochecha – Direção: Luis Antonio Pilar - 2008
A Favorita -2008
Dicas de um Sedutor - 2008
Caminhos do Coração - 2008
Pé na Jaca -2007
Faça sua História -2007
Sítio do Pica-Pau Amarelo - 2007
Antônia 2º temporada ( 1º e 2º episódios) Direção Tata Amaral e Gisele Barroco - 2007
Paginas da vida -2006
Tele Curso 2º grau Profissional – Direção: Sérgio Legder
A Diarista - 2006
Um menino muito maluquinho– Direção: Cezar Rodrigues - 2006
Vídeo Clip "Velocidade" Dirigido por Suzana Lira - 2006

domingo, 31 de maio de 2009

Gravação com o ator e humorista Cristovam Tadeu

Equipe do dia, lucas e Itálo Falcão(figurantes), Cristovam tadeu e Saul, João medeiros e Diogo, Beatriz vitoria minha filha e também fazendo Still (fotografia), porque aqui no set todoooooooooo mundo trabalha, e de graça....rsrs, eu lá em cima vestido de tundercats...rs e alguns garotos da comunidade, que claro tem que ter alguem que quer pegar uma carona na foto..rs


show de interpretação de cristovam e saul, italo ao lado, joão em cima atras das folhas pengando todos os angulos





Foto: Beatriz Vicktoria Gravação do curta metragem PEDRO PEDRA - O FILME: foi um dia produtivo! embora chuva e outros problemas, conseguimos vencer mais essa batalha, foi muito bom! fizemos a gravação com a equipe reduzida, sentimos falta dos que não foram, mas entendemos, esperamos todos nas proximas. Cristovam deu um show de interpretação, e Saul seguiu com Cristovam, como sempre joão medeiros estar de PARABÉNS,


Texto de Cristovam Tadeu sobre como foi sua experiência no filme:

Estava eu louco pra participar do filme de Eliéser Rolim ( O Sonho de Inacim), mas fui logo impedido de fazer qualquer teste porque um amigo nosso disse que Eliéser me considerava cômico demais pro filme dele. Se é verdade ou não, me foi dito. Nem tentei fazer o teste. Quando vi uma matéria na TV sobre um filme que estava sendo rodado aqui pelo diretor Rizemberg Felipe, eu não titubeei: Aproveitando a nossa amizade, liguei pra ele me convidando pra fazer o filme e ele... aceitou.

Pronto, começou o meu processo de ator para elaborar o personagem que ele tinha pra mim, um traficante de crack que manipula o menino Pedro, personagem principal do vídeo Pedro Pedra. Ele pediu pra deixar a barba crescer, eu até topei, mas, pra variar, ainda fiz piada: “Poxa, Rizemberg...Bandido não usa mais barba, olha lá no Congresso Nacional?!?”. A comédia está encarnada em mim. E neste final de semana foi a bendita gravação. A locação foi numa micro-mini ferro velho lá pelos Bancários, mostrei o figurino e o diretor aprovou, o diretor de fotografia João Medeiros também...A cena, mesmo pequena foi gravada em umas 2 horas, a experiência muito boa, sabe, aquela coisa de estar numa locação ajuda a compor o personagem, e os laboratórios que fiz no teatro me ajudaram bastante a me transformar no tal bandido. Na cena, ele dá uma bronca no Pedro por ele estar fumando as tais “pedras” de crack ao invés de vende-las. Contracenando com o pequeno José Saul (Pedro) vi que mesmo “verde” ele rende bem, encarou bem o fato de estar dividindo a cena com um desconhecido. TV, cinema, vídeo, não se resolve no começo, nem no meio, só no fim. Fizemos vários takes de vários ângulos, sempre com a paciência e dedicação de Rizemberg e João. Fazer filme hoje com baixo orçamento é assim: uma câmera, vários ângulos e muita alma pra se entregar ao projeto. Acho que Berg e João gostaram do que viram espero que no fim (edição) tudo se resolva. Eu como ator não sei, espero que aproveitem bem o que fiz , ou não, quem sabe? Só sei que estar ali com aquela mini equipe, me fez sentir o ator que carrego aqui dentro, que tanto me ajudou na formatação do humorista e que naquele dia estava presente pra compor um personagem sério. Foi sim, uma experiência muito rica. Agora descobri que além do cômico, o trágico também está encarnado em mim. “


sexta-feira, 29 de maio de 2009

saiu no Fotocolagem


Quinta-feira, 28 de Maio de 2009

Filme 'Pedro Pedra' apresenta a extréia de João Medeiros à frente da direção fotográfica

quinta-feira, 28 de maio de 2009

teaser

video

Também na Fashion News



Pedro Pedra - O Filme

16/04/2009 às 10:13


Mais uma produção áudio visual genuinamente paraibana começou a ser rodada neste último final de semana, o curta metragem Pedro Pedra, escrito e dirigido por Rizemberg Felipe, é uma ficção baseada em fatos e conta a história de Pedro, um garoto que ainda na infância tem sua vida tristemente marcada pelo uso de drogas, interpretado por José Saul, um ator iniciante que tem a responsabilidade de levar boa parte do filme.

"Estamos fazendo este filme, para mostrar um mundo que embora a gente não veja está perto de nós", afirmou Rizemberg. Totalmente independente e sem recursos o diretor pretende terminar o filme até o mês de maio para concorrer nos principais festivais nacionais da categoria, “trabalhar com poucos ou sem nenhum recurso não é um desafio é uma realidade que não nos desanima; Pelo contrário faz cada etapa ser uma vitória mais que festejada, há ainda a possibilidade de um ator de atuação nacional, Thogun, que recentemente fez "Verônica" no cinema, narrará boa parte do filme, ainda estamos conversando sobre a possibilidade, mas há uma positividade nos diálogos” ressalta Felipe.

quarta-feira, 27 de maio de 2009



Terça, 26 de Maio de 2009 - 16h14

Filme 'Pedro Pedra' começa a ser rodado na PB

Mais uma produção audiovisual genuinamente paraibana começou a ser rodada:o curta-metragem ‘Pedro Pedra’, escrito e dirigido por Rizemberg Felipe: O filme conta com fotografia de João Medeiros, edição de imagens e pós-produção de Wister Galvão.

‘Pedro Pedra’ é uma ficção baseada em fatos reais e conta a história de Pedro, um garoto que ainda na infância tem sua vida tristemente marcada pelo uso de drogas. O papel principal é interpretado por José Saul, um ator iniciante que tem a responsabilidade de levar boa parte do filme.

Embora a maioria do elenco seja de amadores, há nomes como Joálisson Cunha ator profissional que recentemente atuou na ‘Paixao do Menino Deus’, entre outros. "Mesclar atores novatos sem nenhuma experiência com grandes talentos não é um problema.

Isso acontece com frequência na maioria das produções", disse Rizemberg Felipe, que no ano passado teve uma experiência parecida quando dirigiu com êxito o vídeoclipe "Story of us!", premiado pelo Jampa Vídeo Festival do Sesc, produzido durante o curso de direção feito na New York Film Academy.

"Estamos fazendo este filme para mostrar um mundo que, embora a gente não veja, está perto de nós", disse o diretor. Totalmente independente e sem recursos, Rizemberg pretende terminar o filme até o mês de maio para concorrer nos principais festivais nacionais da categoria.

"Trabalhar com poucos ou sem nenhum recurso não é um desafio, é uma realidade que não nos desanima. Faz cada etapa ser uma vitória mais que festejada. Há ainda a possibilidade de um ator de atuação nacional, Thogun, que recentemente fez "Verônica" no cinema, narrar boa parte do filme. Ainda estamos conversando sobre a possibilidade, mas há uma positividade nos diálogos" ressalta Rizemberg.

Do Portal Pedro Pedra

terça-feira, 26 de maio de 2009

Saiu no Turismo em Foco!


Curta sobre drogas é produzido na Paraíba 26-05-2009 Mais uma produção audiovisual genuinamente paraibana começou a ser rodada: o curta-metragem ‘Pedro Pedra’, escrito e dirigido por Rizemberg Felipe. O filme conta com fotografia de João Medeiros, edição de imagens e pós-produção de Wister Galvão.

‘Pedro Pedra’ é uma ficção baseada em fatos reais e conta a história de Pedro, um garoto que ainda na infância tem sua vida tristemente marcada pelo uso de drogas. O papel principal é interpretado por José Saul, um ator iniciante que tem a responsabilidade de levar boa parte do filme.

Embora a maioria do elenco seja de amadores, há nomes como Joálisson Cunha ator profissional que recentemente atuou na ‘Paixão do Menino Deus’, entre outros. "Mesclar atores novatos sem nenhuma experiência com grandes talentos não é um problema. Isso acontece com frequência na maioria das produções", disse Rizemberg Felipe, que no ano passado teve uma experiência parecida quando dirigiu com êxito o vídeoclipe "Story of us!", premiado pelo Jampa Vídeo Festival do Sesc, produzido durante o curso de direção feito na New York Film Academy.

"Estamos fazendo este filme para mostrar um mundo que, embora a gente não veja, está perto de nós", disse o diretor. Totalmente independente e sem recursos, Rizemberg pretende terminar o filme até o mês de maio para concorrer nos principais festivais nacionais da categoria.

"Trabalhar com poucos ou sem nenhum recurso não é um desafio, é uma realidade que não nos desanima. Faz cada etapa ser uma vitória mais que festejada. Há ainda a possibilidade de um ator de atuação nacional, Thogun, que recentemente fez "Verônica" no cinema, narrar boa parte do filme. Ainda estamos conversando sobre a possibilidade, mas há uma positividade nos diálogos" ressalta Rizemberg.


saiu no onorte online!


Curta "Pedro Pedra" começa a ser rodado em João Pessoa

Terça, 26 de Maio de 2009 07h57

O curta-metragem "Pedro Pedra", escrito e dirigido por Rizemberg Felipe, começou a ser rodado em João Pessoa.

"'Pedro Pedra' é uma ficção baseada em fatos reais e conta a história de Pedro, um garoto que ainda na infância tem sua vida tristemente marcada pelo uso de drogas", comenta Rizemberg Felipe.

O papel principal é interpretado por José Saul, um ator iniciante que tem a responsabilidade de levar boa parte do filme. Embora a maioria do elenco seja de amadores, há nomes como Joálisson Cunha ator profissional que recentemente atuou na "Paixao do Menino Deus", entre outros.

O filme conta com fotografia de João Medeiros, edição de imagens e pós-produção de Wister Galvão.

"Mesclar atores novatos sem nenhuma experiência com grandes talentos não é um problema. Isso acontece com frequência na maioria das produções", disse Rizemberg Felipe, que no ano passado teve uma experiência parecida quando dirigiu com êxito o vídeoclipe "Story of us!", premiado pelo Jampa Vídeo Festival do Sesc, produzido durante o curso de direção feito na New York Film Academy.

"Estamos fazendo este filme para mostrar um mundo que, embora a gente não veja, está perto de nós", disse o diretor. Totalmente independente e sem recursos, Rizemberg pretende terminar o filme até o mês de maio para concorrer nos principais festivais nacionais da categoria. "Trabalhar com poucos ou sem nenhum recurso não é um desafio, é uma realidade que não nos desanima. Faz cada etapa ser uma vitória mais que festejada. Há ainda a possibilidade de um ator de atuação nacional, Thogun, que recentemente fez "Verônica" no cinema, narrar boa parte do filme. Ainda estamos conversando sobre a possibilidade, mas há uma positividade nos diálogos" ressalta Rizemberg.

Fonte: Da Redação do JORNALONORTE.COM.BR

quinta-feira, 21 de maio de 2009

Ta no Site Paraiba1



Cultura e Lazer

Situação de risco de meninos de rua inspira novo curta de ficção

  • aumentar fonte
  • diminuir fonte
  • fonte normal

21/05/2009 08:38:00

Christine Eloy
Pequeno José Saul se diverte com a claquete durante as gravações.

Pequeno José Saul se diverte com a claquete durante as gravações.

Karoline Zilah

Ele fez o caminho inverso de muitos videastas paraibanos: ao invés de começar produzindo um curta metragem independente para depois buscar uma especialização no assunto, o fotógrafo Rizemberg Felipe juntou as economias para primeiro fazer um curso na New York Film Academy, nos Estados Unidos.

Confira o primeiro teaser do filme.

Voltando para casa, ele trouxe na bagagem dois curtas onde dirigiu Glen Harsard, músico e ator ganhador do Oscar de Melhor Canção em 2008 pelo filme “Once”, além do videoclipe “Story Of Us”, premiado em uma mostra do Sesc. Rizermberg resolveu dar continuidade ao seu projeto como diretor e iniciou a produção do curta metragem “Pedro Pedra”, cujas filmagens estão em pleno vapor nas ruas do Centro de João Pessoa. Um dos cenários mais emblemáticos do filme é a Praça da Pedra, no Varadouro, próximo ao Cemitério Senhor da Boa Sentença.

O filme, segundo Rizemberg, que é fotógrafo do Jornal da Paraíba, tem como enredo a história de um menino de rua em situação de risco, envolvido com drogas. Um caso que para muitos passa despercebido diariamente e cuja inspiração partiu da história real de um garoto com o qual ele se deparou em uma página de jornal. O menino, detido no Centro Educacional do Adolescente (CEA), havia matado um taxista após roubar-lhe a quantia de R$ 30.

Agora, com “Pedro Pedra”, Rizemberg quer dar um final diferente a essa história. Para isso, o filme independente e sem recursos conta com a camaradagem de amigos. Quem cuida da fotografia é João Medeiros. Na edição de imagens e pós-produção, Wister Galvão.

Também já foi confirmada a participação do rapper carioca Thogun, que participa do filme “Verônica” e vai narrar trechos do enredo. O papel principal ficou nas mãos do ator iniciante José Saul. Tem também a atuação de Joálisson Cunha, que recentemente atuou na Paixão do Menino Deus, e de Cristovam Tadeu, que abraçou o projeto integrando o elenco do filme.

"Mesclar atores novatos sem nenhuma experiência com grandes talentos não é um problema. Isso acontece com frequência na maioria das produções", disse Rizemberg Felipe. "Estamos fazendo este filme para mostrar um mundo que, embora a gente não veja, está perto de nós", comentou. A previsão é de que o filme seja finalizado até o mês de maio para estrear e concorrer ao Festival de Paulínia, em São Paulo.

quarta-feira, 20 de maio de 2009

Foto do 4ºDia de Gravação!

Flávio Melo concedendo entrevista A Danielle Huebra tv cabo branco
Equipe da Tv Cabo Branco Danielle Huebra e Isael Alves acompanhando Wister Galvão tecnico de efeitos especiais colocando o sangue cenográfico,
José Saul em entrevista a TV Cabo Branco.


Rua interditada pela produção com apoio da STtrans para as Gravações.


o Pequeno Saul com a claquete do filme!
Nosso Diretor de fotografia João Medeiros, fazendo um take de dentro do carro de nosso ator Flávio Melo que gentilmente cedeu seu carro para nossas gravações!
eu....rsrs Rizemberg Felipe ministrando algumas instruções da cena com Flávio, ao fundo nossa outra atriz Flávia Guedine e sua mãe, esperando a sua cena, Flávia também cedeu seu automovel para a cena, mostrando mais uma vez a força do projeto, estamos fazendo tudo sem orçamento e todos estão ajudando muito para concretizar nosso curta! quem sabe ele não vira um longa.....!
bastidores do set, o pequeno Saul no canto, josé Ricardo, o nosso guarda de transito de costa, a mãe de Flavinha segurando uma bandeja de salgadinhos, la em cima Ingrid noiva de wister nosso editor de efeitos especiais, Raphaella minha esposa que estar ajudando também na produção em baixo, segurando também uma bandeja,(pois é aqui todo mundo acumula funções....rs) logo ao lado eu.........rsrs procurando sangue cenografico para da continuidade a cena, wister galvão catando alguma coisa la em baixo e Diogo medeiros nosso claquetista e assistente de fotografia. também estavam no set, katia dumont, e seu amigo francisco que nos ajudou na figuração, Abanisa santos, foi um dia muito produtivo, fizemos varias cenas, tivemos o apoio da Sttrans, PANIFICADORA OFICINA DO PÃO deixo aqui nossos agradecimentos, pois sem ela seria muito mais dificil esse dia! , para essa produção, e da tv cabo branco que fez uma cobertura maravilhosa nossos agradecimentos a toda produção chefia de reportagem e equipe de externa.
todas as fotos são Christine Eloy, que obvio estava sempre atraz da camara...rs
abraço a todos,

terça-feira, 19 de maio de 2009

Materia no Bom Dia Paraiba

video
Nossos Agradecimentos A toda equipe do Bom Dia Paraiba, em Especial Antonio Veira, Nerissa Neves, Danielle Huebra e Isael Alves, e todos evenvolvido no processo!

Saiu no Blog de André Cananéa

Pedro Pedra, o filme

Pedro Pedra - O Filme, acabou de ganhar seu primeiro teaser. E, pelo que acabo de ver, aposto que é uma mais promissoras produções rodadas em João Pessoa por estes dias.



O curta de 14 minutos, baseado em fatos reais, conta a história de um garoto que vai até as últimas consequências para conseguir drogas.

Lembro quando Rizemberg Felipe - ou apenas Berg para os amigos - comentou comigo que tinha visto a notícia nos jornais e que isso daria um curta. Isso não faz muito tempo, mas vamos voltar essa história para o começo.

Conheço Berg há, seguramente, dez anos. Trabalhamos nos Diários Associados aqui de João Pessoa e viemos juntos para o Jornal da Paraíba, em 2001. Logo, eu encontro Berg todo santo dia, desde 1999. Talentoso com imagens estáticas, aposto nele também nas imagens em movimento.

Berg sempre foi ligado em filmes e artes plásticas, sobretudo. Até que um dia, no ano passado, me disse que iria investir em um sonho: estudar cinema em Nova York. E que sonho! Do nada, lá estava Berg tirando o passaporte e embarcando para os States.

Foi estudar no renomado New York Filme Academy, pode onde passaram alguns alguns dos pequenos notáveis cineastas e videastas espalhados pelo mundo.

Durante 30 dias, ouviu dicas e ensinamentos de gente que já ensinou profissionais da Globo e gente do mundo inteiro. E teve a oportunidade de estudar ao lado de cineastas do mundo todo - inclusive um músico e ator irlandês, Glen Hansard, ganhador de um Oscar por Once/Apenas Uma Vez (à esquerda de Berg, na foto abaixo - e olha o cartaz do filme lá atrás!).

Ainda não sei se o curso fez de Berg um grande diretor. Além de trabalhos em vídeo para o curso, sua estreia ainda não aconteceu, mas nos deixa com uma boa expectativa.

Uma coisa eu posso dizer: conheço pouca gente com a sagacidade, inteligência e criatividade de Berg. Por isso, aposto em Pedro Pedra antes mesmo dele nascer.

As gravações do curta podem ser acompanhadas pelo blog oficial.